Turismo sustentável: Há caminho para estratégias eficazes de governação?

  • Criador do tópico RCAAP Rss Feeder
  • Start date

↗️ Plataformas de hospedagem de Conteúdo(audio, video..etc) do Pinhalismo(Carlos Pinhal)

Redes Socias do Pinhalismo: Canal Telegram Grupo Telegram(NFP Social)

Hospedagem de Videos: Canal do Youtube Dailymotion Rumble Odysee
Hospedagem Multi Média(video, audio, imagem...etc): Internet Archive
R

RCAAP Rss Feeder

Guest
Breve resumo:
O presente trabalho pretende refletir sobre a proporção de trabalhos académicos (existentes num repositório Português de acesso aberto - RCAAP) que usa indicadores para delinear novas estratégias de turismo sustentável. E que implicações podem daí resultar no âmbito da formação académica e investigação na área. Uma seleção baseada em critérios de acordo com os objetivos propostos reuniu 70 trabalhos (entre teses de mestrado e doutoramento, artigos científicos e relatórios). Recorreu-se a uma análise qualitativa com o programa Nvivo, cuja codificação é uma das técnicas para retirar sentido dos documentos recolhidos. Codificou-se o conteúdo da amostra em temas (nós). A análise usada incide na interação dos nós (temas) com os casos (documentos), por meio de questões (queries) baseadas nos objetivos. Constata-se que a maioria dos trabalhos não aborda indicadores de sustentabilidade turística, e os poucos que os abordam são mais descritivos. A comunidade académica, com seus centros de investigação, tem aqui um papel crucial ao incentivar estudos empíricos sobre índices de sustentabilidade e metodologias de definição dos mesmos. A criação e monitorização de tais medidores, acessíveis e partilháveis pelos atores envolvidos, é o caminho para um desenvolvimento sustentável assertivo deste importante setor de atividade face aos seus desafios atuais.​



Info Adicional:
O presente trabalho pretende refletir sobre a proporção de trabalhos académicos (existentes num repositório Português de acesso aberto - RCAAP) que usa indicadores para delinear novas estratégias de turismo sustentável. E que implicações podem daí resultar no âmbito da formação académica e investigação na área. Uma seleção baseada em critérios de acordo com os objetivos propostos reuniu 70 trabalhos (entre teses de mestrado e doutoramento, artigos científicos e relatórios). Recorreu-se a uma análise qualitativa com o programa Nvivo, cuja codificação é uma das técnicas para retirar sentido dos documentos recolhidos. Codificou-se o conteúdo da amostra em temas (nós). A análise usada incide na interação dos nós (temas) com os casos (documentos), por meio de questões (queries) baseadas nos objetivos. Constata-se que a maioria dos trabalhos não aborda indicadores de sustentabilidade turística, e os poucos que os abordam são mais descritivos. A comunidade académica, com seus centros de investigação, tem aqui um papel crucial ao incentivar estudos empíricos sobre índices de sustentabilidade e metodologias de definição dos mesmos. A criação e monitorização de tais medidores, acessíveis e partilháveis pelos atores envolvidos, é o caminho para um desenvolvimento sustentável assertivo deste importante setor de atividade face aos seus desafios atuais.



Autor:




Clica para continuares a ler...
 
Voltar
Topo